,

3 mil evidências, 13 casos e R$ 80 milhões em propinas. Lula e a corrupção

A alma mais honesta do Brasil, assim mesmo, sem nenhuma vergonha, Lula se auto definiu em um claro gesto de ironia. Talvez Lula vá precisar consultar bastante seus advogados e olhar bem de perto seus processo antes de falar com o juiz Sérgio Moro.

Rolo compressor

O rolo compressor formado pela força-tarefa da Lava Jato está concentrado em Brasília e Curitiba. Nele existem informações suficientes para deixar Lula de cabelo em pé e com os dois pés dentro da cela.

São terabytes de provas

Estão em processos no Supremo Tribunal Federal, em duas Varas da Justiça Federal em Brasília e na 13ª  Vara Federal em Curitiba, aos cuidados do juiz Sergio Moro. Envolvem uma ampla e formidável gama de crimes: corrupção, lavagem de dinheiro, organização criminosa, crime contra a Administração Pública, fraude em licitações, cartel, tráfico de influência e obstrução da Justiça.

O Ministério Público Federal, a Polícia Federal, além de órgãos como a Receita e o Tribunal de Contas da União, com a ajuda prestimosa de investigadores suíços e americanos, produziram, desde o começo da Lava Jato, terabytes de evidências que implicam direta e indiretamente Lula no cometimento de crimes graves.

Lula sairá de Curitiba sem ser preso apesar de tudo que foi produzido através de investigações contra ele.

A estratégia

A estratégia de Lula é clara e simples. Transformar processos jurídicos em campanhas políticas – e transformar procuradores, policiais e juízes em atores políticos desejosos de abater o maior líder popular do país. Lula não discute as provas, os fatos ou as questões jurídicas dos crimes que lhe são imputados. Discute narrativas e movimentos políticos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *