,

Anitta segue fugindo do Oficial de Justiça

A cantora é dona de dar lição de moral na televisão

Ex-integrante do corpo de ballet de Anitta, Dany Possidonio entrou com um processo na Justiça do Trabalho contra a fankeira. A disputa judicial segue na 42ª Vara do Trabalho o Rio. A profissional, que teria trabalhado 6 anos com a cantora sem contrato, foi demitida em agosto do ano passado depois de uma discussão com a intérprete.

Devendo e dando lição de moral

Dany, que fazia parte da trupe de 12 bailarinos fixos de Anitta, diz que era remunerada por apresentação. Antes de processar a cantora, teria tentado fazer um acordo, sem sucesso. Mais tarde, já como ré da ação trabalhista, a funkeira foi procurada três vezes pelo oficial de justiça, que foi até sua mansão notificá-la do processo. Anitta, no entanto, não foi encontrada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *