,

Babilônia: jovem diz que é um animal preso em um corpo humano

Você já ouviu falar em teriantropia? Na Europa e nos EUA a ideia ganha força e espaço na sociedade o que poderá trazer mais confusão ao convívio social.

Na Europa com os avanços da ideologia de gênero e os argumentos sobre direitos iguais surgiu agora a teriantropia que é um passo adiante na questão transgêneros. Parece loucura porém algumas pessoas afirmam que são bichos em corpos humanos. Já existe até nomenclatura: transpécie.

O caso mais recente é de uma jovem norueguesa que afirma ser uma gata em um corpo humano. Aos 20 anos de idade, Karen diz que descobriu ser um animal e passou a se vestir com orelhas de gato, comer comida de gato e se comportar como tal. Ela afirma categoricamente que médicos e psicólogos descobriram ter dentro dela um animal.

A família aceitou o fato e disse ser um erro genético. Dentro de casa ela caminha de quatro, ronrona e mia. Afirma que tem medo de cachorros e sente vontade em caçar ratos.

O pior vem agora: ela quer reconhecimento da justiça devido a sua condição.

Na França tem outro caso

Uma mulher afirma ser um cavalo. Na verdade Kristen nasceu homem fez cirurgia para mudança de sexo e agora quer viver como um cavalo. Na verdade ela conta que essa “ideia” é uma perseguição que a acompanha desde os sete anos.

No Brasil já tem casos semelhantes. Resta saber se o Código Civil será alterado para atender esses casos.

E se uma pessoa dessas comete algum crime?

 

Um Comentário

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *