,

Bolsonaro é fundamental! (por Claudia Wild)

Texto de Claudia Wild

Na verdade o Brasil vive um paradoxo entre seus desejos realizáveis e exigências fictícias!

Nunca tivemos um país tão inculto, com tantos analfabetos funcionais, tomado pela barbárie e pela falta de civilização, mas em contrapartida, as exigências para a política se colocam à procura de um heroico santo salvador, que seja culto, probo, desligado da velha arte de fazer política, que possa trazer a moralização total, e claro – que agrade uma elite intelectual que sempre aprendeu male-male o beabá da tabuada e arrota ensinamentos de Albert Einstein. Uma turma que tem no atraso de #Woodstock, a explicação do próprio atraso brasileiro.

Muitos acusam #Bolsonaro de “tosco“ e “despreparado“, mas não se atentam para o que tivemos num passado recente.

Tivemos dois presidentes (um analfabeto e outra semi-alfabetizada), dois toscos que ganharam o coração de boa parte dos brasileiros e que jamais tiveram suas competências questionadas. Já um capitão do Exército que tem boa formação educacional e moral, é sumariamente rechaçado por uma turma que só curte uma aparência cool de um idealismo que não leva em conta a barbárie civilizacional brasileira, e, que deve portanto ser enfrentada por alguém corajoso e sem politicamente correto . Bolsonaro pode ter sido infeliz em algumas falas, não é perfeito, não é nenhum salvador da pátria, mas tem honestidade – que para o brasileiro não vale se estiver divorciada de chavões retóricos, de vernizes literários, de competências financeiras ( que inclusive Lula e Dilma nunca tiveram). Daí a implicância com relação ao seu nome e o que ele se propõe.

Segundo meu amigo Mozart Lisboa, “Bolsonaro agride o senso estético do provincianismo intelectual brasileiro“. É isto, um povo extremamente ligado à “jecura” da nossa elite intelectual que tem “nojinho“ de quem fala a verdade direta, crua, sem rodeios e que está disposto a colocar a mão na massa.

Bolsonaro precisa de uma boa equipe, bons assessores ligados à competência e não aos apadrinhamentos políticos -geralmente espúrios e regados a muita corrupção. As deficiências de Bolsonaro, para um país que teve Sarney, Collor, Lula e Dilma, a nação tira de letra. Os defeitos de Bolsonaro são muito menos importantes do que as suas qualidades, estas absolutamente necessárias ao país neste momento. Um homem honesto, corajoso, patriota e que não está comprometido com este nefasto projeto de poder marxista que varreu a possibilidade de deixarmos nosso subdesenvolvimento.

Em sendo assim, para começarmos uma nova fase, @JairBolsonaro será fundamental. Já tentam caricaturá-lo como fizeram com o saudoso Enéas Carneiro. Tentam manchar 24 horas por dia sua ilibada conduta e reputação política. Tentam afastar o brasileiro do caminho certo, e temo que não conseguirão! Sabem por quê?

Estamos enfastiados de canalhas e de homens sem compromisso com o Brasil. No que depender de mim, Bolsonaro será o próximo presidente brasileiro. Está com o tal “nojinho“ e repetindo os jargões de intelectuais de meia-tigela? Mude-se para a Inglaterra e aguarde a futura encarnação de Churchill ou da Thatcher, ou então encare a nossa realidade! O que há de melhor no Brasil neste momento. Sim, ele, o Capitão.

(texto de Claudia Wild facebuqueira de primeira linha) A esquerda pira!

10 Comentários

Leave a Reply
  1. E O INTELECTUAL LULA??? É ALGUÉM QUE SE POSSA DIZER QUE É QUASE ANALFABETO, MAS NÃO TEM POSTURA DE UMA PESSOA QUE PODERIA OCUPAR UM CARGO DE PRESIDENTE, ALÉM DE QUE ELE CHEFE DA MAIOR QUADRILHA DE LADRÕES E CORRUPTOS DO BRASIL.

  2. se Bosoaro não fosse exclusivo, incluisse as diferenças não tivesse rejeicão a preto, a gay, certamente seria culto, conhecedor da ciencia da historia do homem e do universo eu votaria nele , mas, nao é assim que se dá sua ‘cultura’

    • Cimone, vejo que vc está mal informada, Bolsonaro não tem nenhuma rejeição a pretos e gay, procure saber mais da conduta e pensamento dele. Tenho a impressão que vc colheu informações com os adversários e detratores dele que procuram dizer que ele é contra gays e pretos justamente para lhe tirar votos desses grupos, mas a realidade é outra, ele não tem contra essas pessoas.

    • Cimone, você está interpretando mal as falas dele, se é que você vê ou ouve o que ele fala, ao invés de ficar dando ouvido ou lendo notícias destorcidas sobre ele.

  3. O eleitor Brasileiro tem que de desvencilhar dos modelos, dos paradigmas , dos “gestores padronizados” que insistem em eleger. Há anos sofremos desse vício, o de só eleger políticos tradicionais, sem nos questionar sobre sua eficácia. Sua competência, honestidade ou patriotismo, pouco importam, uma vez que esses se enquadram no estilo em voga; e assim, aqueles requisitos tão fundamentais, são sobrepujados pelos modelos que foram incutidos em mentes que , “preguiçosas” , não têm disposição para inquirir, preferem aceitar passivas os modelos tidos como seguros. Não há garantia de nada, mas uma coisa é certa: O corporativismo é uma das maiores pragas da política brasileira. É graças a ele que , em detrimento da lei e da justiça, e mesmo da vontade da maioria do povo -pelo menos de quem não tem o “rabo preso” por conta de algum tipo de benefício ( bolsa, cargo ,etc)- indivíduos afundados em denúncias de envolvimento em corrupção permanecem no Executivo, Legislativo e até nos mais altos ente Judiciários; não bastasse essa absurda distorção, para além disso, sem o menor pudor, constrangem àqueles que têm o dever Constitucional de responsabiliza-los por seus crimes, é a tal da inversão de valores, onde o criminoso se vê na condição de impor punição ao que se interponham a suas ações perniciosas à nação. Como já mencionei , não há garantias de nada, nem de que um partido não consiga impor a qualquer um sua ideologia, até mesmo a Jair Bolsonaro; não vejo, todavia, “o mito”, aceitando incondicionalmente que uma congregação ( leia-se , congregação, como um eufemismo para súcia) espúria travestida de Partido Político lhe imponha sua “agenda de governo”. Não! Resta mais do que evidente o repúdio que Jair Messias Bolsonaro nutre pelo corporativismo. Vale destacar que o clientelismo está incutido em nossa lei eleitoral, que, desde há muito proíbe candidaturas independentes, e submete, mesmo os mais independentes, a fortes pressões; assim sendo, só nos resta acreditar que o eleitor brasileiro, em 2018, entenda que escolher um candidato conservador não se confunde o conservadorismo eleitoral que há décadas persiste em apostar forma obsoletas como : Sarney, Lula, Dilma, Collor, FHC, Serra, Aécio, Cabral, Renan…Vou parar por aqui, pois se fosse citar todos, levaria dias escrevendo nomes.

  4. Que texto sensacional Cláudia wild a esquerda está preocupada, com quem vai dar jeito neles, principalmente nesse país.
    Onde impunidades toma conta desse país, corja de ladrões que não vão preso, a corte suprema contaminada podre, por pessoas que não são éticos em seus veredictos.
    Infectadas por suas vaidades e suas ideologias de esquerda, para destruir o povo.
    Destruir a nação.
    Cláudia clamo, vamos mobilizar o Brasil, nas redes sociais com ” boicote já’ dos partidos do PT, PSDB, PMDB, DEM, PSD, PSTU, PCO.
    Boicotar todos os partidos que foram a favor destruir o país!!!!
    E colocar o Messias.
    O homem que honra os princípios e o carácter do povo
    Jair Messias Bolsonaro.
    Juntos pelo Brasil!!!!

  5. EU, GRAÇAS A DEUS , NUNCA VOTEI EM LULA, EM DILMA, VOTEI EM AÉCIO, AINDA NÃO CONHECIA O LADO TRAQUINO , E MESMO HJ ESTOU MAIS MADURO, JÁ CONSIGO TIRAR MINHAS PRÓPRIAS CONCLUSÕES, ESTOU FARTO DESTE CICLO VICIOSO OS POLÍTICOS SÃO OS MESMOS AS IDÉIAS NÃO AVANÇAM, O PAÍS, NÃO DESENVOLVE, EM TECNOLOGIA, EM NADA FICAMOS A MERCÊ DELES E ELES NOS ROUBANDO DEBAIXO DO NOSSO NARIZ, ESTOU ANALISANDO O SR. JAIR BOLSONARO, E VAMOS VER O QUE NOS RESERVA , SE UM PAÍS PRA TODOS OU MAIS UMA DECEPÇÃO A AMARGAR POR MAIS QUATRO ANOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *