,

Cármen Lúcia enquadra Gilmar Mendes

A ministra Cármen Lúcia presidente do Supremo Tribunal Federal parece que esboçou uma reação contra as últimas atitudes do ministro Gilmar Mendes. Cármen Lúcia decidiu dar prosseguimento ao pedido de suspeição do colega no caso que envolve o empresário Jacob Barata Filho, o “rei dos ônibus” no Rio de Janeiro.

O despacho da ministra coloca Gilmar Mendes na berlinda.

 

Agora caberá ao Plenário do STF decidir sobre o pedido de suspeição que poderá trazer Jacob Barata Filho de volta para a cadeia.

Cármen Lúcia ainda exarou que caso Gilmar Mendes queira se manifestar terá um prazo de cinco dias.

Pode ser mero ato de ofício ou o início de uma grande dor de cabeça para Gilmar Mendes.

Aguardemos!

2 Comentários

Leave a Reply
  1. Vai ser apenas um puxão de orelhas e todo volta ao normal no STF. Não se sabe as cartas que Gilmar Mendes esconde nas mangas da sua toga.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *