,

Eduardo Paes (PMDB) gastou R$ 53 milhões com canapés e docinhos

Eduardo Paes, ex-prefeito do Rio de Janeiro, hoje morando nos Estados Unidos da América, não economizou nas solenidades e festas de inauguração enquanto era prefeito. Dados da Controladoria Geral do Município, encaminhados ao gabinete do vereador Paulo Pinheiro (PSOL), apontam que foram gastos R$ 53 milhões entre 2009 e 2014 com eventos como aberturas de creches e clínicas da família, entregas de medalhas, almoços e outras celebrações.

Em um desses eventos, em 2012, o então prefeito recebeu a então presidente Dilma Rousseff e o então governador Sérgio Cabral para inaugurar a Clínica da Família Joãozinho Trinta, em Parada de Lucas. Só aquele evento custou R$ 190 mil de dinheiro público.

No fim do mandato, Paes continuou participando de cerimônias de aberturas, mas nem tudo o que inaugurou estava pronto. Pelo menos duas escolas e um Espaço de Educação Infantil foram inaugurados sem ligação de água nem de luz. Para funcionar, elas precisavam comprar carros-pipa e óleo diesel. A atual administração afirma que estava com o orçamento fechado e, por isso, não podia realizar nenhuma aquisição, o que deixou as unidades fechadas.

Os R$ 53 milhões em inaugurações e solenidades saíram majoritariamente do orçamento da Casa Civil, mas também da Educação e da Saúde.

É muito dinheiro para solenidades. Claro que não vou reclamar de o governo botar a placa, mas contratar metros e metros de chão especial, salgados… É demais! — declarou o vereador Paulo Pinheiro.

A assessoria do ex-prefeito diz que os gastos não foram só com solenidades e inaugurações. Segundo ela, foram disponibilizados recursos para a realização de eventos como Copa do Mundo e Olimpíada.

Realizávamos sempre prefeituras itinerantes, reuniões de secretariado, palestras. Por isso, não podemos simplesmente limitar estes gastos a eventos de inauguração — afirmou o deputado e ex-secretário da Casa Civil e de Governo, Pedro Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *