,

EUA liquidariam Nicolás Maduro em alguns minutos

A movimentação de venezuelanos simpatizantes do governo do ditador Nicolás Maduro numa fila, sendo recrutados, portando armas e capacete chamou a atenção de Washington.

O comando militar americano considerou ser um absurdo a forma que o ditador Nicolás Maduro conduz o seu povo. O Almirante Kurt Tidd afirmou que a solução para resolver os problemas na Venezuela devem passar pela diplomacia e um caminho regional.

Tidd quis esclarecer que seria muito colocar os EUA num confronto direto com a combalida Venezuela. Os americanos detém o maior poderio bélico do mundo.

“A melhor solução para os problemas na Venezuela é a que todos os países reconheceram, que é a opção diplomática, uma solução regional para um problema regional”, disse o chefe militar em entrevista nesta sexta-feira ao jornal “El Comercio” de Lima.

Um grupo composto por 12 países deve encaminhar a situação com a Venezuela sem que os EUA tenham que interferir diretamente.

Perguntado sobre o poderio americano frente à Venezuela, Tidd resumiu: “15 minutos resolveríamos a questão”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *