,

Exército brasileiro descobre que Maduro vai invadir a Guiana

A chapa esquentou de vez na região

O ditador sanguinário Nicolás Maduro é descoberto colocando em prática um projeto ousado de invadir a Guiana e tomar à força a região de Essequibo. A informação foi divulgada nesta tarde pelo site O Antagonista.

A execução do plano de invasão está em curso, segundo informações. Militares suspeitam que a entrada de venezuelanos de forma indiscriminada em Roraima seja parte de um outro projeto armado do ditador.

“A ida de Raul Jungmann à Guiana, bem como ao Suriname, é um recado de que o Brasil não vai tolerar a agressão de Maduro contra qualquer país vizinho., disse uma fonte ligado ao meio militar.

A chapa esquentou de vez.

O ditador avança em seus projetos porque teme uma ação militar coordenada pelos EUA junto com Colômbia, Argentina e México.

Trump declarou na última semana que os americanos não precisaram mais do petróleo do mundo e que fará algumas reservas serem boicotadas por outros países.

Um Comentário

Leave a Reply
  1. A notícia é MENTIROSA.
    Quem escreveu isso não tem vergonha na cara.
    Maduro, pelo que tenho acompanhado não pretende invadir país nenhum.
    Eu tenho uma ideia, as GUIANAS, são colônias territoriais da França, Inglaterra e Holanda, e tem que ser invadida mesmo, principalmente pelo Brasil.
    Agora, o vagabundo do judeu Jungmann (NÃO SEI NEM COMO SE FALA ESSE NOME), esta a serviço dos EUA E DE ISRAEL, portando coloca das “forças” armadas brasileiras sucateadas a serviços dos interesses dessas nações terroristas.
    O QUE O BRASIL GANHA COM ISSO ??????

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *