,

Exército faz intervenção na Rocinha enquanto Brasília saqueia o país

O Exército aponta canhão para barraco de pobre

O Exército Brasileiro é alvo da política de desmonte que tomou conta de todos os setores do Brasil. É possível acreditar na possibilidade de um tanque de guerra apontado para a janela de um barraco num país que existe um presidente constituído?

O Exército que fez intervenção militar numa comunidade pobre do Rio de Janeiro não é o exército brasileiro. É uma força sob o comando de um civil comunista que coloca os militares para combater mosquito da dengue, para fazer campanha de zoonoses, para catar lixo em matas e florestas e para distribuir panfletos sobre vacinação.

O Brasil não é um país em estado de guerra, apesar de toda violência. O Brasil é um país que está sob sua maior crise institucional e econômica devido a corrupção.

A corrupção produzirá centenas de Rocinhas, Marés, Cidade de Deus, Alemão e tantos outros pelo país se nada for feito para estancar as decisões tomadas pelo Congresso Nacional. A Rocinha é a consequência do que acontece em Brasília.

Por que não uma intervenção em Brasília?

Por que não a destituição de um presidente duas vezes denunciado?

Por que não o cerco militar aos homens das malas de dinheiro?

Apontar canhão para barraco de pobre não resolve senhor general! Daqui um mês todos os criminosos estarão de volta e o povo pagará mais caro do que antes.

O Exército precisa voltar a ser Exército. Na garantia da soberania, na atuação firme em nossas fronteiras e na defesa incondicional dos interesses de todos os brasileiros.

São 97% de desaprovação do governo. São apenas 2% de confiança. São 100% de desaprovação dos partidos políticos. Com tudo isso o Exército vai cercar a Rocinha?

Não existe aí um erro de estratégia?

Até quando iremos esconder a realidade?

4 Comentários

Leave a Reply
  1. 1° O as Forças Armadas estão combatendo o crime desorganizado para intervir nos 3 poderes onde o crime organizado tomou conta e exige editoração completa em seus organismos necrosados pela corrupção?

  2. As Forças Armadas sob ordem do energúmeno Ministro da Defesa Sr Raul Belens JUNGMANN Pinto, buscam os pequenos distribuidores, enquanto os chefes do tráfico escondem-se sob a égide da imunidade parlamentar.
    E o Sr Gen Villas Boas diz que tudo transcorre dentro da LEI e da ORDEM.
    Ah ! Tem mais… O Min da Defesa Raul Belens JUNGMANN Pinto que se esconde sob égide da imunidade parlamentar, declarou GUERRA aos EUA, ao falar que não admitiria a interferência de nenhuma força estrangeira em defesa da democracia na VENEZUELA.

  3. O artigo acima publicado faz aluzao as evidencias de anos no brazil .Quer queiram , quer nao ; os militares estao fazendo cortina de fumaca para o , ” Alih Babacka ! ‘ trabalhar despreocupadamente .Eu vivo em 1* mundo,e a 17 anos venho negando a minha nacionalidade ,sabe porque ? VERGONHA !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *