,

Funcionários contam o dinheiro sujo do PMDB. Vídeo

Máquinas já contaram mais de R$ 30 milhões

Sabe aquele posto de Saúde que falta medicamentos e profissionais? Aquela escola que não tem merenda, bebedouros e professores bem remunerados? Sabe aquela rua sem pavimentação? Aquele esgoto que ainda circula a céu aberto?

Tudo que se passa neste país em termos de abandono, violência, descaso, desigualdade, falta de emprego e oportunidades é de responsabilidade dos governantes. Políticos que desviam bilhões em reais em esquemas de corrupção.

Geddel é pau mandado dos bandidos

Geddel, cujo apartamento foi estourado nesta terça-feira (5) pela Polícia Federal, foi o homem que mandou numa das maiores instituições brasileiras, a Caixa Econômica Federal. No apartamento dele foi encontrado mais de R$ 30 milhões resultado de corrupção.

Os funcionários da Polícia Federal entraram pela noite contando todo o dinheiro apreendido que jamais seria descoberto não fosse a persistência da Polícia Federal.

Faltam médicos, professores, estradas seguras, falta comida e emprego aos brasileiros em um país cuja carga tributária é uma das maiores do Planeta. O povo brasileiro sempre acreditou na boa vontade dos políticos porém está na hora de passar esse país a limpo.

Um Comentário

Leave a Reply
  1. Gente da espécie deste senador, como de resto os demais implicados neste verdadeiro assalto ao Brasil, deveria sentir vergonha em olhar no espelho, dirigir à palavra a seus cônjuges e filhos, tamanha a desonra cometida. Eles deveriam saber, e incluo, nominalmente, o governador Cabral, que o povo ainda reelegeu, e o pobre pai,que por sorte poupou-lhe desta profunda mágoa, em função de sua doença, que a cada brasileiro, sem atendimento médico, dado à precariedade, as salas de aula em péssimos estados, os funcionários recebendo seus minguados salários, em ridículas parcelas, eles são os maiores responsáveis, e Justiça dos homens não será tão drástica, como a que receberão lá na eternidade, se eles acreditam, que tratem de pagá-las na sua integralidade em prol dos necessitados!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *