,

Garotinho faz grave acusação no Rio de Janeiro

Anthony Garotinho diz em nota que a sua prisão e de sua esposa Rosinha, nesta quarta-feira (22), pela Polícia Federal, é uma retaliação contra ele em razão das denúncias que fez contra a quadrilha do ex-governador Sérgio Cabral.

No blog do Garotinho uma nota foi publicada explicando que o governador havia recebido informações de que Sérgio Cabral e Jorge Picciani tiveram um encontro no presídio em Benfica ocasião que Picciani havia dito que “daria um tiro na cara de Garotinho”.

A situação no Rio de Janeiro é grave e alguns analistas políticos avaliam que não haverá solução sem uma intervenção militar constitucional para colocar ordem no Estado.

O Rio de Janeiro, segundo a procuradora-geral da República, virou uma “terra sem lei”. Dodge ficou estarrecida com a decisão de soltura dos três deputados estaduais sem que houvesse sequer um alvará expedido pela Justiça. O Estado de Direito encerrou no Rio de Janeiro.

Abaixo eis a nota do ex-governador Anthony Garotinho.

“O ex-governador Anthony Garotinho atribui a operação de hoje a mais um capítulo da perseguição que vem sofrendo desde que denunciou o esquema do governo Cabral na Assembleia Legislativa e as irregularidades praticadas pelo desembargador Luiz Zveiter (…).

Garotinho afirma ainda que nem ele nem nenhum dos acusados cometeu crime algum e, conforme disse ontem no seu programa de rádio, foi alertado por um agente penitenciário a respeito de uma reunião entre Sergio Cabral e Jorge Picciani, durante a primeira prisão do deputado em Benfica. Na ocasião, o presidente da Alerj teria afirmado que iria dar um tiro na cara de Garotinho.

Agora, a ordem de prisão do juiz Glaucenir é para que Garotinho vá com sua esposa para Benfica, justamente onde estão os presos da Lava Jato.”

Um Comentário

Leave a Reply
  1. Salvo a honestidade da maior parte de seu povo simples e trabalhador que usa os meios de transportes mais lotados e sacrificantes do Brasil, a cidade do Rio de Janeiro, especialmente, foi tomada nas altas esferas de artistas televisivos, mamadores da lei Rouanet, terra de jornalistas do tipo Pasquim que nada levam a sério, de militantes petistas, funcionalismo público acostumados à mordomia do poder, desde o império, políticos dos mais corruptos e descarados, que se degladiam entre si e protegem até bandidos inescrupulosos em imensa quantidade, tanto nos morros quanto nas baixadas, infelizmente moradores de favelas que convivem com estes bandidos, em parte favorecidos e agradecidos, hoje é o retrato do próprio cáos piorado pelo enorme déficit público. Somente uma intervenção, que seja a nivel estadual, é a única solução porque dependendo da política e do governo atual o resultado será cada vez catastrófico com ratos saindo por todo lado, levando todo queijo que puder…e que levarão as vassouradas da intervenção pelas costas…se Deus quiser…e Ele quer…É só a Fé mesmo…só Deus mesmo pode salvar este Rio e este Brasil. Enfim os homens de saco roxo têm em minha opinião uma fé forte e transparente, real, inconfundível iluminada por Deus…porque se depender destes ateus…mesmo possivelmente honestos…nada se resolverá…é necessário muita Fé…nesta árdua luta que se intensificará fortemente…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *