,

Lula: “Doria quer dois minutos de fama”

O ex-presidente Lula, diferente dos empresários envolvidos em corrupção, continua solto. Isso ninguém compreende.

Nesta sexta-feira (07) ele deu mais um sinal claro de que está em plena campanha política rumo a 2018. E não duvide, solto ele será eleito.

Lula concedeu entrevista à rádio O Povo, do Ceará, ocasião que falou sobre a obra de transposição do Rio São Francisco e outros assuntos, dentre eles, o prefeito de São Paulo, João Doria.

O radialista perguntou sobre o avanço de João Doria em São Paulo e o surgimento dele como liderança política. Recentemente Doria declarou que vai fazer todos os esforços possíveis para derrotar qualquer possibilidade de Lula sair candidato.

Lula rebateu de forma irônica e subestimou Doria.

“O que ele quer são dois minutos de glória. Ele foi eleito para governar a cidade de São Paulo. Precisa parar de fazer pirotecnia e trabalhar. Ele quer que eu o transforme em um personagem que fará oposição a mim. Isso não farei”, disse Lula.

Lula, em sua entrevista à rádio O Povo, repetiu que a Lava Jato não tem provas para condená-lo:

“A única coisa que ouvi até agora é ‘não esperem prova, tenho convicção’. As pessoas não podem dizer que têm convicção, é preciso mostrar”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *