,

Petrobras divulga balanço de 2016 sinalizando a quebradeira

Em comunicado divulgado nesta terça-feira, 21, a Petrobras anunciou prejuízo líquido de R$ 14,824 bilhões no ano passado. Foi o terceiro ano seguido de resultados negativos.

Em 2015, a Petrobras registrou prejuízo recorde de R$ 34,8 bilhões. No ano anterior, em 2014, o resultado foi negativo em R$ 21,6 bilhões.

De acordo com a estatal, o novo prejuízo se deve, principalmente ao “impairment” (reavaliação de ativos da companhia e de investimentos), no valor total de R$ 20,89 bilhões.

A redução do endividamento é o destaque positivo. A dívida líquida da Petrobras caiu 20% em relação ao final de 2015, de R$ 392 bilhões para R$ 314,12 bilhões no final do ano passado. Já o endividamento líquido, em dólares, diminuiu 4%, passando de US$ 100,4 bilhões para US$ 96,38 bilhões.

Após o anúncio do balanço, o presidente da Petrobras, Pedro Parente, ressaltou que “a empresa ainda tem uma dívida importante e nosso trabalho precisa continuar para reduzirmos a nossa dívida a patamares razoáveis […] Ainda é a maior dívida relevante de todas as companhias de óleo e gás do mundo. Se você pegar todos os estados da federação, excluindo São Paulo, a nossa dívida é maior. Nós não podemos descuidar dessa nossa dívida”.

Embora tenha registrado lucro de R$ 2,5 bilhões no 4º trimestre do ano passado, após prejuízo de R$ 16,4 bilhões no 3º trimestre, o resultado dos três últimos meses de 2016 foi abaixo do esperado pelo mercado. A previsão média era de lucro de R$ 3,7 bilhões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *