,

Polícia Federal pega mais dois deputados do PMDB no Rio. É uma quadrilha!

O PMDB não parece ser um partido político, é mais parecido a uma quadrilha que age de forma organizada nos estados brasileiros.

Na manhã desta terça-feira (14) os agentes federais tiveram mais um trabalho desgastante: conduzir dois deputados do PMDB. São eles: Edson Albertassi e Paulo Melo. É uma vergonha!

Os dois parlamentares são alvos da investigação que começou com a deflagração da operação Ponto Final e teve desdobramento com a operação de hoje, a “Cadeia Velha”.

O trabalho dos procuradores do Ministério Público Federal, da Procuradoria-geral da República e da Polícia Federal sinaliza para uma questão séria: onde estava o Ministério Público Estadual na fiscalização desses crimes?

O MPF pediu a prisão dos dois deputados mas como eles têm FORO PRIVILEGIADO poderão aguardar a decisão dos colegas para saber se ficarão ou não atrás das grades. Os procuradores federais pediram ao TRF (Tribunal Regional Federal) que os deputados sejam mantidos presos.

Os procuradores afirmam com todas as letras e provas que existem ILÍCITOS GRAVÍSSIMOS contra os dois políticos do PMDB, incluindo até estado de flagrância. São criminosos contumazes em outras palavras.

A prisão do presidente da ALERJ, Jorge Picciani, segundo informações, é uma questão de tempo. Picciani é outro do PMDB.

Afinal, o que é o PMDB?

Um Comentário

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *