,

Quebra-quebra no Congresso! Corre-corre e gás de pimenta

Policiais conseguiram invadir o Congresso e estão em confronto com policiais legislativos na área da “chapelaria”, a entrada dos deputados e dos senadores.

Portas de vidro foram quebradas. O gás de pimenta se espalhou pelo Salão de Verde, na entrada do plenário da Câmara.

Um grupo ligado a sindicatos de policiais civis de todo o país invadiu o Congresso Nacional, na tarde desta terça-feira, em protesto contra a reforma da Previdência – que está em discussão na Câmara dos Deputados.

A Polícia Legislativa utilizou bombas de efeito moral para barrar os manifestantes. Os sindicalistas conseguiram entrar na chapelaria do Congresso, no subsolo do prédio – um dos principais acessos de parlamentares, imprensa e público em geral.

Vidros foram completamente destruídos durante a confusão. A polícia forma um cordão de isolamento em frente ao local. Foram lançadas bombas de gás lacrimogênio e gás de pimenta. Há relatos de que pessoas passaram mal.

O acesso ao prédio do Senado foi trancado e o plenário da Câmara dos Deputados, onde está prevista a votação na tarde desta terça do projeto de recuperação fiscal dos Estados, também foi fechado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *