,

Rombo bilionário provoca aumento no preço dos combustíveis

O Ministério Público Federal no estado do Rio de Janeiro decidiu agir para apurar as suspeitas de manipulação de preço dos combustíveis na Petrobras e consequente rombo bilionário nas contas da empresa.

Graça Foster e Guido Mantega, ambos com cargos de confiança no governo Dilma Rousseff, foram denunciados pelos procuradores federais.

Há suspeita de que os membros do Conselho de Administração da estatal tenham agido de má fé na condução da política de preços da gasolina e do diesel. Nos últimos doze meses o preço da gasolina na bomba subiu quase 100%. Na média, o litro de gasolina, custa atualmente R$ 4,59. Um ano atrás o preço estava em R$ 2,89.

Outros membros do Conselho da Petrobras também foram denunciados pelo Ministério Público Federal.

“Eles atuavam segundo orientações do Governo Federal que tentava segurar a inflação para não interferir nas eleições em 2014”, destaca o procurador da República.

O MPF ainda pede na ação que a União seja condenada a ressarcir a Petrobras por usá-la como meio de controle da inflação causando grandes prejuízos financeiros.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *