,

Venezuelanos invadem o Brasil

Sem ter o que comer e onde morar centenas estão na fronteira

Na sede da Polícia Federal em Pacaraima, cidade entre Brasil e Venezuela, milhares de estrangeiros formaram nesta segunda-feira (7), ainda pela madrugada, uma longa fila em busca de permissão para cruzar a fronteira.

Na fronteira com o Brasil os venezuelanos entram em Roraima após preencherem um visto de turismo que autoriza a entrada e permanência no país por até 60 dias. O documento é fornecido na sede da Polícia Federal.

Em 2015 foram registrados 230 pedidos de refúgio de venezuelanos em Roraima. Um ano depois esse número subiu para 2.230 e até junho de 2017 já bateu a marca de 6.438 solicitações.

Conforme dados divulgados pela Polícia Federal em Roraima, a maioria dos venezuelanos que estão imigrando para Roraima são de Caracas, capital do país. Mais de 58% são do sexo masculino e jovens entre 22 e 25 anos. A maioria dos estrangeiros que vem para o estado são estudantes (17,93%), seguidos por engenheiros (6,21%), médicos (4,83%) e economistas (7,83%).

A informação é do G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *