,

Você usaria solvente no motor de seu carro? Não! Mas usa sem saber

Governo teria vendido solvente e agora cobra como se fosse gasolina

Os consumidores brasileiros estão sendo enganados sem saber. Faz dois anos que o Governo Federal regulamentou a comercialização de uma mistura de mais de 200 solventes que resultou num sub-produto próximo da molécula da gasolina.

O nome do produto é bonito, gasolina formulada. O resultado no bolso e no motor do carro é devastador.

Mecânicos de motores garantem que a mistura “regulamentada” pelo Governo Federal é um lixo e detona o funcionamento dos veículos. Além de baixar o desempenho do carro, a mistura de solventes que está sendo vendida como gasolina nas bombas, ainda rende menos no tanque de combustível. Você abastece e logo acaba.

A ANP não tem efetivo suficiente para fiscalizar postos de combustíveis. A Agência deixou os consumidores renegados a própria sorte.

Na bomba a mistura de solventes tem preço de gasolina. Na refinaria ela é comprada quase como lixo reciclável.

Percebam o golpe que o governo deu nos brasileiros:

Dois anos atrás o preço da gasolina estava acessível mas o que era vendido não era GASOLINA derivada de petróleo.

Hoje o governo alega que os sucessivos aumentos são para compensar as perdas que a PETROBRAS teve com o preço da gasolina no passado. Ou seja, nos dois anos que não teve aumento.

Como compensar perdas se o que foi espalhado no mercado não era gasolina?

Confira a reportagem.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *